Portal Eletricista

Dicas Gerais sobre instalação elétrica



Climatizador de Ar: Funcionamento e Benefícios Oferecidos

Funcionamento e Benefícios Oferecidos pelo Climatizador de Ar
72 Flares Twitter 0 Facebook 72 Google+ 0 72 Flares ×

Em artigo anterior falamos a respeito do ar-condicionado: suas características, funcionamento e formas de instalação. Agora vamos tratar de aparelhos que fornecem uma ventilação diferenciada a qualquer ambiente, baseada em seu mecanismo de funcionamento que proporciona umidade ao ar e seria uma alternativa mais econômica para solucionar o tão conhecido problema do calor existente nos dias atuais.Estamos nos referindo ao climatizador de ar, que representa uma alternativa eficaz e simples quando se pretende reduzir os efeitos provocados pelo calor excessivo em pessoas expostas ao mesmo. Conheça a seguir mais detalhes sobre esse utilitário muito importante.

Climatizador de Ar Principais Características

Basicamente podemos dizer que o climatizador de ar é um aparelho que tem sido bastante utilizado sobretudo em residências localizadas em regiões aonde a umidade do ar pode ser considerada baixa (menor que 70% ou 75%). Sua principal função é reduzir o calor presente em determinado ambiente, aumentando o nível de conforto das pessoas que estejam ali presentes. Possui eficiência diretamente relacionada ao fator que define isso claramente, sendo portanto a umidade do ar que deverá ser alavancada (uma das formas de reduzir a temperatura e gerar um certo nível de resfriamento).

Aí você pergunta: Posso utilizar o climatizador de ar em regiões litorâneas nas quais a umidade do ar seja considerada boa? A resposta é SIM, porém a função destinada a ele nessas circunstâncias limita-o apenas a fazer circular a ventilação, situação que em nada o diferencia por exemplo de um ventilador comum. É preciso conhecer a condição em que será empregado, para que se torne eficiente e satisfaça os requisitos necessários ao seu fundamento principal.

Sendo ecológico, no processo de circulação que é um de seus mecanismos principais quando o climatizador de ar está em uso, não agride a camada de ozônio pois todo o ar por ele emitido é úmido, o que provoca queda de alguns pontos na temperatura específica do ambiente. Mas lembre-se, é bom saber que um climatizador nunca substituirá um ar-condicionado pois sua potência é considerada bem menor. Serve para amenizar o calor em cidades nas quais o clima predominante seja quente ou até mesmo seco.

Noções Fundamentais sobre o uso Climatizador de Ar.

Assim como todo aparelho eletrodoméstico, ler o manual de instruções é recomendado, para que você possa conhecer quais recomendações o fabricante menciona. Apresentamos a seguir pelo menos algumas delas:

Escolha do local

Deve-se fazer a escolha do local em que será colocado o climatizador de ar de modo criterioso, evitando posicioná-lo sobre superfícies irregulares. O piso deve ser obrigatoriamente plano, evitando assim que o produto sofra quedas, o que provocaria avarias, além de manter seu reservatório de água livre de vazamentos desnecessários.

Fluxo de ar

A utilização do climatizador requer um espaço livre em que ocorra a passagem de ar. Em hipótese alguma posicione-o junto a qualquer material do tipo cortinas, panos, etc. que impeçam o processo de circulação comum ao aparelho.      

Umidificação

Para esse processo, quando utilizamos o climatizador de ar  é necessário prover ventilação natural ao ambiente, com renovação periódica do ar. Isso é muito simples, bastando abrir portas ou janelas localizadas por trás do aparelho para que ocorra um ganho em termos de seu desempenho e o processo de climatização possa ser considerado perfeito.

Climatizador de ar: Partes integrantes e funcionamento geralClimatizador de ar: Partes integrantes e funcionamento geral

Aplicações do Climatizador de Ar

De acordo com a estação do ano, podemos dizer que nos períodos chuvosos não se utiliza o climatizador para resfriamento do ar tendo em vista que o ambiente no qual esteja o produto irá ficar umedecido. Nesse caso é correto utilizá-lo apenas como ventilador.

Já nos períodos secos, normalmente se utiliza o climatizador de ar para redução da elevada temperatura ambiente que inclusive pode provocar em nós graves problemas de saúde. Visando a melhoria do ar circulante adiciona-se água ao mesmo, forçando a queda do calor em consequência a isso. Para levar qualidade a esse ar predominante em sua residência durante condições climáticas de superaquecimento, escolha um modelo de aparelho que se ajuste às suas expectativas, trazendo bem-estar extensível a toda sua família.

Aplicações do Climatizador de Ar

Exemplo de Purificador de Ar: No formato torre e seu controle é feito remotamente

Purificador de Ar     

Ao proporcionar conforto térmico a você e sua família, saiba que tão importante quanto a redução de temperatura é a pureza do ar presente no interior da residência. Sabemos que impurezas como poeira, umidade e mofo provocam alergias afetando o sistema respiratório humano. O ácaro por exemplo é um inseto que se propaga com facilidade em ambientes predominantemente frios. Esse aracnídeo é imperceptível, mas capaz de causar problemas como a rinite ou asma alérgica. É preciso eliminar portanto a sujeira acumulada no ambiente.

Os filtros dos sistemas de climatização tornam-se responsáveis por reter a poeira gerada pelas correntes de ar que circulam internamente. É obrigatória a limpeza e substituição desta peça para que se evite impurezas nocivas e inconvenientes.

Há casos em que o purificador chega a ser altamente recomendado. Isso é determinado pela idade das pessoas que habitam o espaço e/ou estado de saúde observado para cada uma delas (casos de doenças alérgicas verificadas). Em casos extremos seria indispensável até mesmo.

Para saber qual a eficiência do produto, confira suas certificações e especificações mencionadas no guia do usuário.

Funções de um purificador de ar

Purificador de Ar: Sua função é retirar impurezas do ambiente

Quais as funções do aparelho climatizador de ar?

Ciclos Quente e Frio – A maioria dos climatizadores possuem a função de gerar aquecimento para o ambiente, produzindo conforto, ajustando o clima do espaço a uma condição que seja aconchegante.

Controle de Velocidade – A exemplo dos ventiladores, existe nele um controle de ventilação que consiste em 3 níveis que são: baixo, médio e alto.

Emissão de Íons – Essa característica é típica de modelos mais recentes de climatizador aonde são retiradas quaisquer bactérias e demais impurezas do ar através de um componente que emite íons realizando esse processo.  

Mobilidade – Os modelos mais práticos consistem naqueles que possuem rodinhas e alças, que facilitem o transporte a todo e qualquer localização no interior do ambiente em que é comumente utilizado.

Trava de Segurança – Existente quando o modelo contém rodinhas evitando que elas provoquem o deslizamento do aparelho sobre a superfície acima da qual esteja.

Controle Remoto – Praticidade e comodidade no manuseio do equipamento. É possível ajustá-lo remotamente através de um controle manual contendo as funções de manipulação do mesmo.

Filtros Laváveis – Os filtros de qualquer climatizador são laváveis e isso evita acúmulo de poeira e bactérias no interior do aparelho. Portanto ele pode ser considerado também muito higiênico.

Função Timer – Permite ajustar o tempo de funcionamento do aparelho que geralmente pode ser de até 12 horas. Confira o manual do produto ao adquiri-lo.

Gel – Utilizado em alguns modelos para aumentar a sensação de frescor gerada pela climatização.

Essas representam as funções básicas dos climatizadores.

Alguns tipos de produtos mais modernos apresentam ainda funções avançadas. Confira a seguir.

Circulador – Três opções de ventilação visando o bem-estar do usuário.

Climatizador de ar – Melhora a qualidade do ar, umidificando-o e ventilando.

Umidificador – Com tanque de água removível, sua limpeza pode ser feita constantemente, além de constituir um reservatório a ser abastecido.

Purificador – Utiliza uma tecnologia que dispara ânions (espécies de íons) no ambiente auxiliando na limpeza e purificação deste, ao eliminar bactérias e poeira localizada.  

Aquecedor – Utilizado nos dias frios, fornece ar quente ao ventilar, proporcionando conforto ao usuário nessas condições de temperatura.

Função Dormir – Representa maior economia com funcionamento ajustável durante um tempo máximo de 3 horas. Se a velocidade programada houver sido inicialmente a de número “3” (alta), durante a primeira hora ela permanece, caindo para “2” (média) na segunda hora e finalmente para “1” (baixa) na terceira. Em seguida ocorre seu desligamento automático.

Climatizador de Ar Electrolux Clean Air

Climatizador de Ar Electrolux Clean Air: Painel com botões que mostram suas principais funções

Conclusões

Com o calor resultante do aquecimento global, é necessário buscar alternativas para redução das temperaturas elevadas que tornam-se insuportáveis e sobretudo desagradáveis. Qualquer ambiente torna-se mais agradável quando se utiliza um ar-condicionado ou mesmo climatizador. Na comparação entre os dois, podemos verificar que se o primeiro refrigera melhor, sendo mais adequado portanto a espaços muito fechados, o segundo funciona de modo a proporcionar conforto umidificando o ar e purificando-o. Ou seja, os climatizadores não deixam muito a desejar quando se pretende amenizar o clima. Seria uma espécie de alternativa mais barata em comparação aos condicionadores de ar, aonde é preciso saber apenas que ele é menos potente, mesmo assim causa certa melhoria do calor em dias quentes e conforto nos dias frios aonde comumente o ar costuma ser muito seco.    

Postar Comentários

Comentários

POSTAR UM COMENTÁRIO


72 Flares Twitter 0 Facebook 72 Google+ 0 72 Flares ×