Categorias
Curiosidades

Ventilador de teto, dúvidas, consertos, alinhamento e balanceamento

É muito comum encontrar ventilador de teto nas residências, pois são opções econômicas e que ajudam e muito a ventilar a casa de uma forma bem distribuída, além de deixar o teto cheio de charme com modelos cada vez mais bonitos.

Mas, ao pesquisar e ouvir alguns de nossos leitores, recebemos muitas dúvidas e pedidos para falarmos sobre consertos, alinhamento e balanceamento.

Pensando nisso, o nosso artigo de hoje esclarecerá todas essas dúvidas, para que você saiba tudo sobre o seu ventilador de teto, desde a instalação até o balanceamento.

 

ventilador de teto dúvidas
ventilador de teto dúvidas

VENTILADOR DE TETO – DÚVIDAS

 

Depois de instalar o ventilador de teto, ele começou a ter um cheiro de verniz forte. O que fazer nessa situação?

Alguns motores de ventilador de teto têm verniz para garantir maior durabilidade e segurança do aparelho. O cheiro é resultado do aquecimento, que evidencia o verniz do aparelho.

Mas atenção: Esse cheiro precisa sumir em algumas horas depois da instalação. Caso ele persista, desligue o ventilador e procure um técnico.

 

O ventilador de teto está muito quente. Ele pode queimar?

Os ventiladores de teto devem atingir uma temperatura de no máximo 130º, que deixará o motor quente. Mas se essa temperatura ficar muito alta, e em alguns casos, sair faíscas do motor, desligue o aparelho e procure um profissional.

 

O ventilador de teto faz barulho?

Quando o ventilador de teto é instalado da maneira correta ele não faz barulho. O único barulho aceitável é o próprio som do vento, que varia com a velocidade.

 

Quais lâmpadas podem ser usadas no ventilador de teto?

Para lustre com apenas um soquete, escolha uma lâmpada de até 60W.

Para lustre com mais de um soquete, escolha lâmpadas que somam o máximo de 120W.

 

Atenção: Desligue a chave do quadro de disjuntores na hora de fazer a instalação e até mesmo na hora da manutenção do ventilador de teto, inclusive quando houver necessidade de substituir lâmpadas queimadas.

 Indicamos os artigos  Como fazer a instalação de um ventilador de teto e Como montar um Quadro de Distribuição.

ventilador de teto moderno
ventilador de teto moderno

VENTILADOR DE TETO – CONSERTOS

 

Hélice que gira lentamente:

  1. Verifique no bico de polia se o parafuso está apertado;
  2. Confira se o controle não está em velocidade mínima;
  3. Confira se a voltagem do motor e da tomada é a mesma.

 

Ventilador que faz muito barulho:

  1. Verifique na grade e no bico de polia se os parafusos estão apertados corretamente;
  2. Ainda na grade, confira se as paletas da hélice não estão encostando-se a ela.

 

Ventilador de teto que não oscila:

  1. Confira se a porca borboleta está realmente bem apertada, pois quando ela não fica bem rosqueada, o aparelho não oscila normalmente.

 

Ventilador de teto não funciona:

  1. Confira se o botão para ligar e desligar está na posição correta;
  2. Verifique se há energia e se a ligação do ventilador está ligada.

 

Ventilador trepida

  1. Verifique a porta borboleta e os parafusos das paletas, pois eles precisam ficar bem apertados.

 

VENTILADOR DE TETO – ALINHAMENTO E BALANCEAMENTO

 

Alinhamento

Para o alinhamento da garra, ajuste as extremidades alinhando da garra para o centro, com uma das pás, e se o problema persistir – incline essa garra para a esquerda ou para a direita até verificar o melhor ponto.

 

Balanceamento

Para que o balanceamento seja ideal, verifique se os parafusos das garras e das pás estão apertados da maneira certa. Meça com uma trena a distância de uma das pás do ventilador até o teto, essa primeira será a referência. Meça as outras pás, e dessa forma, as que tiverem com uma distância diferente da primeira, deverão ser ajustadas, com inclinação para baixo ou para cima.

 

Gostou? Compartilhe e deixe os seus comentários!

Categorias
Dicas Motores Elétricos

15 Cuidados especiais com funcionamento elétrico do veículo

O funcionamento elétrico do veículo precisa de alguns cuidados especiais para garantir o máximo de segurança, e uma boa vida útil da bateria. Continue lendo e descubra agora mesmo uma lista imperdível.

Indicamos para leitura Como fazer uma montagem de um quadro de distribuição e Por que devemos economizar energia?

bateria de carro
bateria de carro

15 cuidados especiais relacionados à bateria.

 

  1. Checar o nível da bateria: O ideal é checar duas vezes a cada três meses, e uma vez por semana se a bateria tem mais de 15 meses de uso.

 

  1. Remover a tampa para verificar o nível de água da bateria: As baterias possuem diversos formatos de tampa, dependendo do fabricante. Algumas são fáceis de retirar – é só puxar; outras são rosqueadas, e precisam de algum objeto para ajudar na remoção.

 

  1. O uso certo da água: A água comum não é apropriada para a bateria, mas sim a opção destilada.

 

  1. Nível de água: Existem baterias que contam com marcações de nível (baixo ou alto). Já há outras que não indicam isso, mas para saber o nível correto, é só observar se ele está um pouquinho acima das bordas que ficam nas placas. Isso pode ser visualizado na hora que você remover a tampa.

 

  1. Nunca adicione muito água destilada: A água precisa completar o nível certo, pois quando ela é colocada em excesso, o funcionamento do motor pode ficar comprometido, e ainda há risco de acidentes.

 

  1. Painel do veículo: Verifique no painel interno quando você dá a partida, se uma lâmpada vermelha continua acesa mesmo ao acelerar.

 

  1. Lâmpada amarela do alternador: Normalmente existe a lâmpada que indica se o alternador permanece funcionando. Mas atenção, pois nem todos os veículos possuem esses indicadores, e eles também podem variar.

 

  1. Validade da bateria: Conheça a validade da bateria, que estará indicada na parte superior dela.

 

  1. Tempo médio da validade das baterias: Geralmente, as marcas nacionais costumam ter dois anos de vida útil. Já as marcas estrangeiras podem chegar até três anos e meio de vida útil.

 

  1.  Limpeza dos polos da bateria: Eles precisam de limpeza com auxílio de uma escova de aço, e um produto que não seja abrasivo e evite corrosões.

 

  1.  Quando o carro ficar muito tempo parado: Não fique ligando o motor por alguns minutos para completar a bateria. Existem carregadores inteligentes, que evitam que a bateria perca a energia.

 

  1. Evite usar cabos de transferência ou dar trancos: Quando a bateria estiver com uma carga pequena ou se o alternador estiver com algum problema, não dê trancos ou faça as conhecidas chupetas. Utilize os recursos apenas em casos de urgência, pois o ideal mesmo é recarregar a bateria ou consertar o alternador.

 

  1. Quando levantar a bateria do suporte: Cuidado para não fazer pressão na área dos lados, pois o movimento pode causar o vazamento, e provocar acidentes.

 

  1.  Antes de trocar a bateria: É essencial verificar toda a parte elétrica do veículo, tal como alternador, motor de arranque, regulador de voltagem e fuga de corrente.

 

  1. Procure um profissional: Peça ajuda profissional para a manutenção e os cuidados da bateria do seu carro, para garantir que ela funcione corretamente com segurança.

O que achou do nosso artigo 15 cuidados especiais com o funcionamento elétrico do veículo?

Deixe os seus comentários e até a próxima!

Categorias
Dicas

Como determinar a carga elétrica de uma casa

Quando falamos em carga elétrica de uma casa, estamos falando da energia total que é consumida durante o dia por todos os eletroeletrônicos, eletrodomésticos e demais aparelhos que precisam do uso de eletricidade.

A carga de energia elétrica tem como principal base o consumo e a potência máxima de energia de cada um dos aparelhos da sua residência. Além disso, ela também leva em consideração a média de tempo que cada um dos aparelhos conectados à energia fica ligado ao longo de um dia.

Calculada em watts/hora ou através de quilowatts/hora, a carga de energia elétrica descreve qual é o consumo de energia pelas horas de utilização, para entender o consumo ao longo do dia.

COMO DETERMINAR A CARGA ELÉTRICA DE UMA CASA
COMO DETERMINAR A CARGA ELÉTRICA DE UMA CASA

Dica útil também é Como economizar energiae Como fazer a conexão correta.

Mas qual é a necessidade de entender a carga de energia elétrica da minha casa?

Entender como é o funcionamento médio da carga de energia elétrica da sua residência auxilia você a controlar e identificar todas as áreas de consumo de energia, além da possibilidade de com o entendimento, realizar modificações que sejam necessárias e exigidas por algum motivo pelo seu sistema de eletricidade.

Além disso, é bacana também para verificar que alguns aparelhos que não precisam de consumo 24 horas por dia, podem ter o consumo reduzido, gerando assim uma economia que faz a diferença no final do mês.

Viu só a importância? Então confira a seguir como determinar a carga elétrica:

 

PASSO A PASSO PARA DETERMINAR A CARGA ELÉTRICA DA SUA CASA

Coloque em um papel todos os dispositivos elétricos da sua casa, sem exceção, desde pequenas lâmpadas até mesmo os aparelhos grandes como lava-louças, aquecedores de água, etc. O importante é não deixar nenhum aparelho eletrônico de fora dessa lista.

Em cada aparelho dessa lista, você deverá colocar a potência exata. Para encontrar a potência, basta conferir o manual do usuário ou até mesmo as etiquetas que costumam ficar na parte de trás de cada um dos aparelhos. Localize e então anote essa potência na área correspondente a cada aparelho;

 

Agora é a hora de fazer uma estimativa média de quantas horas ao longo do dia cada um dos aparelhos é utilizado. Por exemplo, sabemos que uma geladeira é utilizada 24 horas por dia, a TV pode ser utilizada 4 horas por dia, já uma lâmpada, 2 horas por dia, e assim por diante. Se você não souber a quantidade certa das horas de uso, não se preocupe, mas tente se aproximar o mais perto possível das horas exatas;

 

Pegue cada potência de um determinado aparelho e multiplique pelo número de horas que ele normalmente é utilizado ao longo do dia, calculando assim a quantidade de watts/horas;

 

Depois de multiplicar cada aparelho, faça uma soma de todos os watts/hora do dia. Para converter para quilowatts/hora, divida o resultado por 1000.

O valor final será a determinante da carga elétrica total da sua casa.

Recomendo para leitura Como calcular o consumo de energia elétrica e Dicas para contratar um eletricista.

Gostou do artigo? Então deixe os seus comentários e compartilhe! Estamos preparando muitas novidades para você, fique de olho e não perca nenhuma delas.

Categorias
Dicas Instalações

TORNEIRA ELÉTRICA – DICAS DE USO E DE INSTALAÇÃO

As casas estão ficando cada vez mais modernas, e opções que antes eram usadas apenas em empresas, lojas ou outros centros comerciais acabaram tomando conta também dos lares. Esse é o caso da torneira elétrica, que podem ser muito úteis para realizar as tarefas do seu dia a dia.
Com a torneira elétrica, você consegue água quente sem precisar de um aquecedor central, o que a torna muito funcional para a limpeza na cozinha.

torneira elétrica
torneira elétrica

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Você pode encontrar torneira elétrica de diferentes formatos, e alguns modelos modernos as transformam em excelentes itens decorativos também.
A maioria dos modelos conta com regulagem para temperaturas frias, mornas e quentes. Cada uma é ideal para eliminar determinada sujeira ou gordura, diminuindo assim o tempo de limpeza e economizando muito mais água e produtos.
torneira elétrica mais modernas contam com uma resistência de aquecimento blindada, para que além da garantia de segurança, o acionamento também seja suave, e a durabilidade uma das grandes marcas dela.

Para você que gosta realmente de elétrica recomendo o artigo Como fazer a instalação de um ventilador de teto.

TORNEIRA ELÉTRICA – DICAS DE INSTALAÇÃO

1. Sempre que instalar ou precisar fazer a instalação da torneira, desligue o disjuntor;

2. Verifique também se os fios da instalação e o disjuntor atendem às mesmas especificações da torneira elétrica. Dessa forma, o desempenho e a segurança do aparelho serão sempre mantidos;

3. Para conectar os fios, é essencial utilizar conectores elétricos que sejam adequados, e não usar tomadas e plugues de uso geral, pois eles não suportam à corrente elétrica, que é de alta potência, e pode comprometer a segurança da instalação;
4. Para saber o modo ideal de usar os conectores, siga o manual de instalação da torneira elétrica, e lembre-se que eles garantem a segurança e evitam o aquecimento desproporcional, além de aumentarem a vida útil da torneira;

5. Não utilize o fio neutro para o aterramento, pois em casos de sobrecarga da rede elétrica, o fio poderá queimar aparelhos elétricos que estejam ligados a ele;

6. Antes de ligar o aparelho na rede elétrica, deixe a torneira correr água fria, evitando assim a queima da resistência, além de conferir a possibilidade da existência de vazamentos;

7. O fio terra é essencial para a segurança do aparelho, e a torneira também precisa dele;

torneira elétrica instalada
torneira elétrica instalada

DICAS DE USO DAS TORNEIRAS ELÉTRICAS

• Para usar a torneira elétrica não há grandes segredos, normalmente elas contam com a regulagem de 3 temperaturas, e após fazer a instalação, basta escolher a temperatura desejada para realizar a tarefa que você precisa.

• As torneiras elétricas certamente facilitarão o seu dia, deixando a limpeza muito mais prática e fácil.

Atenção!
Apesar das dicas, considere sempre um eletricista habilitado para realizar a instalação da torneira elétrica, pois ela é um aparelho que precisa de cuidados especiais na hora de instalar, e você precisa garantir a segurança sempre em primeiro lugar.

Recomendo para aprender a fazer instalação e uso os seguites temas:Como instalar sistema de monitoramento de câmera e o Como fazer instalação de um chuveiro elétrico

Gostou do artigo de hoje? Você sabia que o Portal Eletricista também produz artigos para tirar as suas maiores dúvidas sobre diferentes temas? Quer ter uma dúvida esclarecida? Então deixe nos comentários as suas sugestões para os próximos posts. Nossos especialistas estarão preparados para ajudar você.