Categorias
Dicas Eletricista Eletrônica

Comandos eletricos – aprenda todos os dispositivos

Esquemas de comandos eletricos: partida direta e indireta

Como vamos tratar principalmente do modulo de força nesse artigo, onde os motores elétricos são representados, temos que falar também os devidos dispositivos de proteção. Esses dispositivos, sendo alguns deles listados abaixo, devem ser ligados em série com cada fase do motor, de modo a proporcionar condições mais seguras de operação.
Aprenda como fazer a instalação de um ar condicionado split
Como escolher o modelo de ar condicionado ideal
Quantas lampadas podem ser instaladas em um disjuntor? dicas

  1. Relé térmico

É um dispositivo sensível ao aumento de temperatura, construído com lâminas bimetálicas que se formam e abrem o circuito caso a fase do motor se aqueça excessivamente. Tem a vantagem que sempre pode ser reutilizado.

  1. Fusível

Consiste num metal com temperatura de fusão conhecida, com encapsulado por uma redoma de vidro ou material plástico isolante. Ao sofrer aquecimento suficiente, esse metal derrete, interrompendo a passagem de corrente elétrica e protegendo a fase do motor.

  1. Partida direta: conceitos básicos

Sabemos que ao ligar o motor que estava inicialmente parado ocorre um pico de corrente de 6 a 10 vezes maior que a corrente de trabalho do motor em funcionamento. Essa energia é necessária para que desative o modo inércia inicial do motor, e se normalizar quando ele é acelerado ate sua velocidade de operação. Essa parida elétrica é simplesmente ligar as bobinas do motor na fonte de corrente elétrica.

  • Vantagens e desvantagens da partida direta

A partida direta necessita de uma quantidade reduzida de componentes. Mas é necessário o superdimensionamento dos dispositivos para resistir à corrente inicial, portanto acaba desgastando muito o motor.

  1. Partida indireta: conceitos básicos

A partida indireta busca reduzir o pico inicial de corrente. Consiste em ligar o motor de modo a passar menos corrente no inicio, mesmo o motor acabando de sair da inércia. Logo após muda a ligação das bobinas com comandos elétricos, para que a corrente total atravesse o motor e ele desenvolva a rotação normal.

Categorias
Dicas

Conheça um pouco mais sobre A Aplicação e Funcionamento dos Comandos Elétricos

Saiba mais sobre os elementos essenciais para aplicação e funcionamento dos comandos elétricos indispensável na eletricidade

Conheça um pouco mais sobre A Aplicação e Funcionamento dos Comandos Elétricos
Conheça um pouco mais sobre A Aplicação e Funcionamento dos Comandos Elétricos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

No estudo da eletricidade, os comandos elétricos são encarregados se realizar o uso devido da energia gerada após todo o processo de redução de tensão e transporte para o consumo mais comum.

 

Os comandos elétricos assim possuem a função de conduzir corrente elétrica em motores elétricos em circuitos elétricos, trabalhando com motores como motores de passo, corrente contínua e motores síncronos.

Comandos Elétricos e sua composição – importâncias, dicas
Como se instala um disjuntor DR (diferencial residual)? dicas, passo a passo
Como dimensionar disjuntor trifásico – dicas, passo a passo

 

Num painel elétrico de operação, os principais objetivos dos comandos elétricos são: propiciar a proteção do operador e favorecer a lógica nos comandos.

 

Partindo deste princípio fundamental, os comandos elétricos seguem um esquema básico para acionar um motor elétrico, conforme descrito abaixo das quais podemos destacar as seguintes etapas:

 

  • Seccionamento: Esse elemento só poderá ser manipulado quando estiver sem carga para garantir a segurança do operador. Ele serve para realizar manutenção e operações de verificação no circuito.

 

  • Proteção contra correntes de curto-circuito: São meios ou dispositivos que visão garantir a proteção dos condutores no circuito em sua extremidade interna e externa.

 

  • Proteção contra correntes de sobrecarga: serve para realizar a proteção das bobinas que estão envoltas ao motor.

 

  • Dispositivos de manobra: Tem a função de desligar o motor, evitando com isso que o operador tenha contato com o circuito da potência onde há a passagem da corrente maior.

2

 

 

 

 

 

 

 

Principais componentes que envolvem os Comandos Elétricos

 

Um painel elétrico dispõe de uma configuração extensa com uma variedade de potências e voltagens com ferramentas destinadas a comandos específicos e aplicabilidade específica de acordo com a situação em que os comandos elétricos se mostrarem necessários. Abaixo você pode acompanhar uma descrição dos mesmos:

3

 

 

 

 

 

  • Relés

 

Os relés são interruptores eletromecânicos que possuem a função que agem no circuito quando a corrente passa pela bobina interna deles. Suas aplicações são extensas, mas seu mecanismo básico é ligar e desligar circuitos.

4

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  • Fusíveis

 

Os fusíveis são elementos eletromecânicos nos comandos elétricos bastantes utilizados nas estruturas elétricas de diversos prédios, construções e estabelecimentos. Sua principal função no circuito é protegê-lo contra eventuais queimas, curtos-circuitos ou sobrecargas evitando assim acidentes domésticos, perdas financeiras entre outros transtornos.

5

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  • Botão de Comando

 

O botão de comando tem uma função especial nos circuitos elétricos funcionando como uma chave especial onde através de uma mola quando ele é acionado retorna para posição original. Age nos circuitos realizando o controle elétrico DESLIGANDO e LIGANDO os sistemas.

6

 

 

 

 

 

 

 

  • Disjuntores

 

Os disjuntores são elementos eletromecânicos que realizam o trabalho de proteger o circuito contra sobrecargas e curtos-circuitos que são oriundos de desestabilizações na temperatura de onde é operado o circuito ou até mesmo de falhas internas.

7

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  • Contadores

 

Os contadores possuem um funcionamento semelhante aos relés.  Ele é um dispositivo eletromecânico de comando elétrico podendo ser operado a distância, sua função principal é controlar a passagem de correntes intensas. Sua aplicação é ideal em motores elétricos de alta potência.

 

8

 

  • Relé de Sobrecarga

 

Este tipo de dispositivo serve para proteger contra sobrecargas e curtos-circuitos. Seu funcionamento se dá pela sua dilatação diante de uma corrente acima do suportado pelo circuito.

 

 

Simbologia dos Comandos Elétricos

 

De maneira geral os comandos elétricos seguem uma simbologia padrão necessária para operar os comandos e realizar o uso adequado da corrente elétrica em circuitos, como você pode conferir abaixo:

9

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Os comandos elétricos são elementos essenciais em qualquer manipulação e operação elétrica de pequena, média ou complexa aplicabilidade, e conhecer os suas ferramentas e informações básicas é essencial para a correta operação de circuitos e instalações nas mais diversas obras e estruturas elétricas presentes por toda a parte nas cidades e conglomerados industriais.

 

Categorias
Dicas

Comandos Elétricos e sua composição – importâncias, dicas

No meio dos processos da eletricidade de potência, a área industrial é, com certeza absoluta, a com papel fundamental, já que possui a maior parte da conversão de energia elétrica em outras formas de energia. Desta forma, a indústria é o local das ações feitas pela maior parte dos profissionais especializadas no setor elétrico tanto no que se refere a projetos de comandos elétricos, implantação de acessórios e equipamentos quanto na automação industrial.

Veja Instalações Elétricas: Montagem de um Quadro de Distribuição

Ainda neste setor de atuação está o segmento de Comandos Elétricos que tem técnicos e procedimentos que são utilizadas para controlar e/ou acionar máquinas e diferentes equipamentos. Os comandos elétricos são constituídos decomposto de circuito de força, no qual é possível achar cargas, tais como motores elétricos trifásicos, e ainda conta com circuito de comando, que possui as lógicas de ligação de dispositivos de manobras e proteção, tais como botoeiras e sinaleiras.

Comandos Elétricos e sua composição - importâncias, dicas
Comandos Elétricos e sua composição – importâncias, dicas

Importância dos comandos elétricos no setor industrial

Atualmente, a maioria absoluta das indústrias, independentemente de seu porte e/ou nacionalidade, conta com um bom desenvolvimento de automação. Já para o cidadão comum, é norma que as corporações cortem despesas e reduzam seus empregados, já que com o preço cobrado pelos materiais aos seus clientes, no fim do procedimento de produção, tudo acaba sendo gerando de forma mais barata, enquanto que se houvesse mais empregados ao invés de tanto maquinário, esses produtos sairiam bem mais caros, já que um empregado significa mais despesas para o dono do empreendimento do que uma máquina.

Comandos Elétricos e sua composição - importâncias, dicas
Comandos Elétricos e sua composição – importâncias, dicas

Composição dos comandos elétricos

Os comandos elétricos são feito por várias peças, não somente os que efetuam o comando em si. Podem ser destacados: a proteção, que tem como missão primordial defender o circuito contra irregularidades, distribuição e condutores que geralmente ocorre através da distribuição da alimentação em um painel, onde é feita após uma proteção geral, a distribuição da alimentação em um painel, é feita após uma proteção geral, dispositivos de controle que tratam de controlar todo o funcionamento do circuito, dispositivos de acionamento que tem como função fazer com o que circuito entre em sua rotina de trabalho, ou mudar o estado do mesmo circuito, componentes auxiliares e sensores que tem como papel a manipulação de equipamentos e/ou máquinas, além de documentação e manutenções.

O desenho de um projeto de diagrama é fundamental para a montagem correta dos circuitos, ajudando o eletricista ou profissional responsável a executar o trabalho de forma eficiente. O cuidado é essencial durante todo o projeto do diagrame de comando e potencia, assegurando a segurança na prática.

Recomendo Como fazer a medição da corrente do aterramento – dicas, passo a passo