Categorias
Dicas

Como instalar a fiação elétrica em exteriores – passo a passo, dicas

A instalação de fios elétricos em exteriores precisa de alguns procedimentos de segurança, tais como colocá-los dentro de um condutor, que os protege da exposição e da umidade. Lembre-se que para instalar a fiação elétrica, inspecionar e ligar à caixa elétrica principal é fundamental que você seja um profissional ou contrate um eletricista, pois a fiação não é brincadeira, e é fundamental que o trabalho seja feito por alguém qualificado para isso.

Recomendo Como fazer a montagem de um quadro de distribuição e Aprenda como fazer a instalação correta de um Ar-condicionado Split

FIAÇÃO ELÉTRICA EM EXTERIORES – PASSO A PASSO

  1. O primeiro passo é marcar o trajeto para a fiação, que começa na caixa de eletricidade até a área final. Caso a instalação seja feita para um sistema de iluminação, coloque as luzes nos locais em que serão instaladas para verificar. Se você deseja levar um fio de casa para um dispositivo externo, como um sistema de filtro ou holofote, deixe a fiação apoiada no chão, ao longo do trajeto em que será instalada.

 

  1. Agora é hora de furar a parede externa, que fica próxima a caixa de eletricidade. O furo deve ser feito com uma furadeira, e ter um espaço mínimo de 7,5 cm, suficiente para um disjuntor.

 

  1. Atrás do disjuntor, faça um orifício de saída, e o posicione de forma que ele fique sobre esse orifício, colocando o disjuntor na parede.

 

  1. Sobre o trajeto traçado para a fiação elétrica externa, cave uma fenda com cerca de 15 cm de profundidade. É importante que essa fenda tenha a largura suficiente para que o tubo de PVC ou conduto metálico que irá abrigar a fiação seja acondicionado.

 

  1. Meça e faça o corte no PVC ou no conduto metálico para a fiação elétrica externa.

 

  1. Coloque então os condutos na fenda aberta.
  2. O próximo passo é prender o bocal (com rosca) ao respectivo mosquetão. Depois você deverá conectar ao disjuntor, por intermédio do orifício feito anteriormente na parede.

 

  1. Siga conectando uma das extremidades do conduto à área de encaixe do mosquetão (fora da parede), e também ao conduto que está no chão.

 

  1. Com uma fita própria, fixe os condutos ao longo do trajeto da parede.

 

  1. Passe então uma corda (para ajudar a puxar) através do trajeto do conduto, prendendo ela com uma fita e a um dos extremos do fio elétrico, puxando através do próprio conduto. É importante que o fio seja suficiente para chegar até a caixa de eletricidade em uma das extremidades, e permitir que o dispositivo em questão seja conectado na outra.

 

  1. Complete a fenda com terra.

 

  1. Ligue a fiação externa ao dispositivo em questão, de acordo com as orientações do fabricante.

 

ADVERTÊNCIA – DICAS

Mais uma vez, repetimos a necessidade de contar com o auxílio de um eletricista para evitar acidentes e ter a garantia de uma fiação externa bem instalada, que não ofereça perigos.

 

E aí, quer ver as suas dúvidas transformadas em artigos? Então deixe as suas sugestões para os próximos artigos, pois elas podem ser a nossa inspiração para os posts do portal.

Categorias
Dicas

Quais são os perigos do fio (fiação) branco(a) no terra? dicas, passo a passo

O sistema de fiação de uma casa conta com cores diferentes, e cada uma delas representa uma determinada função, a cor preta, é considerada “quente”, enquanto a branca é o “neutro” e o fio desencapado ou verde representa o terra. Basta olhar na área interna de um painel de disjuntores para verificar que tanto o neutro quanto o terra estão ligados a tiras comuns que são combinadas. Por eles ficarem eletricamente ligados, muitas pessoas inexperientes acreditam que o fio terra e o neutro fazem parte do mesmo circuito, mas na verdade eles não fazem.

As normas de fiação exigem que os fios: neutro e terra nunca sejam misturados, pois há vários perigos causados por isso, e você confere quais são eles a seguir:

 

DISJUNTOR AFETADO

Os disjuntores desativam quando um curto acontece entre a fiação quente e neutra. O objetivo do terra é desviar o possível aumento para a área da haste de terra. Quando os fios neutros e terra são invertidos, esse pico de tensão acaba por retroalimentar o disjuntor, ou seja, danifica-o por dentro, causando problemas de funcionamento em próximos curtos.

 

PERIGOS EM ELETRODOMÉSTICOS

Os eletrodomésticos, como por exemplo, as geladeiras detectam a corrente entre o quente e o neutro. O fio terra fica ligado diretamente à área do chassi do eletrodoméstico em questão. Quando o neutro e o terra ficam invertidos, novamente a eletricidade passa por uma retroalimentação através do próprio chassi do aparelho. Dessa forma, a área exterior, como o puxador de metal, ficará com eletricidade fluindo, o que pode ser um grande perigo de eletrocussão. Além disso, o refluxo de energia elétrica compromete a potência e reduz a longevidade do aparelho.

 

POSSIBILIDADE DE LOOP NO TERRA

Os fios terra de uma casa precisam ter zero volts. Quando um neutro e um terra são invertidos, há a possibilidade de um loop no terra, ou seja, diferentes níveis de tensão atuando em diferentes pontos do seu aterramento. Assim, os aparelhos provavelmente não funcionarão corretamente, além de trazer perigos para os aparelhos mais sensíveis.

 

PERIGOS DE INCÊNDIO

O incêndio na área elétrica é um perigo que não pode ser esquecido, pois ele é real, e pode acontecer nesses casos.

As situações de tensão acima do esperado, desenvolvidas pela inversão podem levar a um incêndio, e há possibilidade até mesmo de faíscas que iniciam um perigo real de incêndio.

 

FIQUE ATENTO!

Os perigos da fiação branca no terra são reais, e caso você observe isso, é fundamental entrar em contato imediatamente com um eletricista qualificado, para que ele verifique e solucione o problema.

Sempre precisamos pensar nos riscos, pois a prevenção é a melhor forma de evitar perigos e até mesmo acidentes que podem afetar muito a sua casa e a sua família.

 

E você, conhece outros perigos originados pela fiação branca no terra? Compartilhe com a gente a sua experiência, e vamos criar um debate para evidenciar ainda mais esse problema.

 

Não deixe de nos acompanhar, estamos preparando muitas novidades para você!