Categorias
Dicas

Cálculo de Instalações Elétricas para Secadores de Cabelo – passo a passo

Em estabelecimentos onde o uso de secador é feito com frequência é necessário fazer o cálculo de instalações elétricas própria para essa finalidade. Em casa, o uso pode ser feito de forma normal, por que ele não consumirá tanto assim a energia, mas em salões de beleza, por exemplo, é necessário muito cuidado, ainda mais quando mais de um aparelho é ligado na mesma hora.

Motobomba trifásica – chave de nível inferior e superior
Como passar um cabo de energia – dicas, passo a passo
Como ligar dois interruptores em um disjuntor de 15 ampères

Quem vai abrir um salão ou um estabelecimento onde o uso do secador será constante é indicado um profissional, de preferência um engenheiro elétrico para que ele possa avaliar as condições e poder entregar a instalação correta para você utilizar e sem ter nenhum tipo de problema devido o excesso de uso.

Se o salão tiver três cadeiras para atendimento, o ideal é que exista três tomadas separadas das outras apenas para o uso do secador de cabelo, para evitar que haja algum dano tanto para o aparelho quanto para a rede elétrica.

O cálculo de instalações elétricas para secadores de cabelo pode ser feito tanto por um engenheiro como também por um eletricista, tudo vai depender do conhecimento que ele já tem. Saiba que esse cálculo não é difícil de fazer, mas desde que a pessoa saiba sobre o assunto. Certifique-se que o profissional escolhido seja qualificado e possua os requisitos necessários para tal função.

A própria ABNT informa os dados a respeito dessa instalação, e isso se dá por que quando uma tensão é de 110 volts isso significa que ela utiliza 54,54 ampéres, e quando a tensão é de 127 volts a corrente utiliza 47,24 ampéres. Logo, existem padrões para todos os tipos.

Cálculo de Instalações Elétricas para Secadores de Cabelo
Cálculo de Instalações Elétricas para Secadores de Cabelo

A ABNT passa os seguintes dados em relação a essas instalações elétricas:

  • Cabo condutor de 1,5 mm² suporta sem aquecer 15,5 ampères;
  • Cabo condutor de 2,5 mm² suporta sem aquecer 21,0 ampères;
  • Cabo condutor de 4,0 mm² suporta sem aquecer 28,0 ampères;
  • Cabo condutor de 6,0 mm² suporta sem aquecer 36,0 ampères;
  • Cabo condutor de 10,0 mm² suporta sem aquecer 50,0 ampères.

Esses são os dados padrões da ABNT. Logo, percebe que a instalação correta faz referência ao tipo de calibre ou bitola que será usado. Esse calculo quem deve fazer é um profissional da área, somente ele para medir corretamente de acordo com a utilização que será feita no ambiente.

O calculo é importante por que ele permite que uma instalação seja feita de modo a atenção a necessidade de uso diário. Isso evitará uma série de problemas, principalmente com relação a queima de produtos, e até mesmo pequenos estouros por causa da sobrecarga. Logo, é necessário ter bastante cuidado com isso, e uma instalação bem feita faz toda a diferença, então compensa você investir um pouco nessa questão para ter algo bem feito e que não trará problemas sérios posteriormente.

Muitas pessoas buscam apenas preço, mais na hora de buscar o profissional escolha aquele que una preço e qualidade para evitar que você tenha problemas futuros na sua instalação elétrica causados por cálculos errados.

 

Categorias
Dicas

Instalação eletrica residencial – dicas, passo a passo

A instalação eletrica residencial é um assunto muito importante, que merece a máxima atenção do construtor. Uma instalação elétrica mal feita pode causar sérios problemas, desde o consumo exagerado de energia até curtos circuitos no sistema, ocasionados pela fuga de corrente.

Saiba que a maioria dos problemas que ocorrem em uma instalação elétrica decorrem da má compreensão de como a eletricidade flui através de um circuito elétrico.

Instalação eletrica residencial - dicas, passo a passo
Instalação eletrica residencial – dicas, passo a passo

Instalação eletrica residencial requer o mesmo cuidado que a instalação hidráulica

Você não terá complicação para entender uma instalação elétrica se pensarmos que ela é muito semelhante a uma instalação hidráulica. Se pensarmos na eletricidade como a água que corre, um interruptor como uma torneira e os fios como os canos, tudo fica muito mais fácil.

Dessa forma, tanto a eletricidade quanto a água entram em um imóvel, são distribuídas através da construção e depois “saem”. A água entra através de canos pressurizados; a corrente elétrica através dos fios fase. A “pressão” da corrente elétrica é chamada tensão (popularmente conhecida como “voltagem”).

Da mesma forma que os canos grossos permitem que um maior volume de água flua ao longo deles, fios mais grossos permitem que mais corrente elétrica passe por eles. A quantidade de corrente elétrica que pode passar por um fio é chamada de amperagem.

Uma instalação elétrica é facilmente compreendida a partir do momento que pensarmos nela como se fosse um instalação hidráulica. E da mesma forma como a água deixa um imóvel através de canos não pressurizados, a eletricidade “sai” através dos fios neutros, que tem “voltagem” zero.

A circulação de corrente elétrica requer proteção assim como a água em uma tubulação

Para analisar desde o princípio, qualquer instalação elétrica é feita mediante a um esquema onde O fio fase sai de um quadro elétrico com disjuntores, vai até o interruptor, e a partir daí para a lâmpada. O fio neutro é ligado diretamente na lâmpada, saindo uma seção para alcançar a outra ponta da tomada.

O fio a ser ligado no interruptor será sempre o fio fase (ou positivo), e também que a secção do positivo para a tomada é feita antes de o fio fase seguir para a lâmpada. Se você invertesse o processo, a tomada somente funcionaria quando a lâmpada estivesse acesa. Muito cuidado com estes detalhes.

Esquema de ligação de fios em uma tomada e lâmpada

De modo geral, a instalação eletrica residencial será feita antes mesmo de ser colocado o medidor de luz (relógio), não oferecendo nenhum perigo. Porém, se houver necessidade de alguma ligação já com o sistema funcionando, você precisa saber determinar sem erro qual é o fio fase e qual é o neutro.

Para identificar qual é o fio fase e o fio neutro na fiação basta você usar uma lâmpada de teste, com fios isolados, ligue uma das pontas no fio a testar; encoste a outra ponta na parede ou em um cano de ferro. Se for o fio neutro, a lâmpada não acenderá. Se for o fio fase (positivo), a lâmpada acenderá. Muito cuidado para somente segurar a lâmpada teste nas partes isoladas.
A instalação elétrica começa com a colocação dos eletrodutos que podem ser rígidos ou flexíveis. Atualmente, há preferência pelo eletroduto de plástico flexíveis. Para a colocação dos eletrodutos, é necessário abrir um canal nas paredes; quando se usa tijolos furados basta quebrar a primeira capa. Os fios são colocados depois, com o auxílio de um arame de aço especial.

Categorias
Dicas

Qual a importância do diagrama elétrico em uma instalação elétrica? dicas, passo a passo

A real sensação que se sente quando você precisa realizar uma intervenção em uma instalação elétrica ou circuito sem ter um diagrama elétrico é a mesma sensação de  estar em uma caçada ao tesouro sem possuir um mata ou sequer uma direção! Sendo assim, veja nesse artigo a importância do diagrama elétrico em uma instalação. De modo que a dúvida também persiste quando se tem um diagrama e não sabe fazer a leitura.

Quanto mais fácil de rastrear for a sua instalação elétrica será mais seguro e confiável.

Qual a importância do diagrama elétrico em uma instalação elétrica? dicas, passo a passo
Qual a importância do diagrama elétrico em uma instalação elétrica? dicas, passo a passo

Um diagrama elétrico se torna muito  necessário de modo que ele permite a você algo espetacular que é a rastreabilidade de sua instalação elétrica, contudo você sabe o que isso significa?

 

Veja bem, não importa qual o tipo de intervenção que você venha fazer na sua instalação elétrica de modo que com o diagrama elétrico você saberá exatamente onde e como fazer. A identificação de uma possível falha/defeito e respectivamente a solução deste se torna muito mais rápida e eficiente.

 

Existem problemas corriqueiros que de modo geral são bastante simples e muito comum que é o  problema de rastreabilidade dentro de uma instalação elétrica residencial e muitas vezes o quadro de disjuntores não estão identificados com os números dos circuitos. Sendo assim, como você terá  certeza que um circuito foi corretamente desligado se você não tem a menor ideia dei qual é a sua fonte de alimentação?

 

Agora, imagine o quanto que este tipo de problema “simples” pode intervir diretamente em seu tempo de execução, interferir na qualidade de seu serviço e principalmente em sua segurança. Não ter certeza de qual disjuntor deve ser seccionado para efetuar a desenergização pode e vai implicar diretamente na sua segurança.

 

 

Qual a importância de saber ler um diagrama elétrico?

Hoje em dia você vai encontrar muitos eletricistas que sequer possuem a mínima  “intimidade” com a leitura de um diagrama elétrico.  E não será nada difícil se deparar  com situações onde profissionais já com bastante tempo de profissão buscam o curso de comandos elétricos para aprender a ler e interpretar diagramas elétricos, isso mesmo, profissionais com 10, 15, 20 anos de profissão.

 

Acredite que essas pessoas optam na maioria das vezes, refazer o curso de comandos elétricos ou mesmo de instalações elétricas pelo fato que quando tiveram pela primeira vez na sala de aula não deram a atenção devida a este assunto.

Sendo assim, nos dias de hoje  se enfrenta  uma realidade um tanto quanto desagradável, isto mesmo, hoje muitas pessoas estão se formando na área elétrica mas poucas, muito poucas saem com capacidade de realizar um leitura e interpretação de diagramas elétricos.

É importante que em um futuro bem próximo tenha-se a exigência de possuir toda a documentação necessária para estruturarmos um projeto de instalações elétricas, seja este um projeto de uma residência, comércio ou indústria.  Sendo assim, qualquer obra deveria ter a obrigação de  fiscalizada por órgãos competente  e de contar com projetos completos e profissionais capacitados, neste artigo escrevi como contratar um eletricista exatamente porque existem muitos profissionais inexperientes e sem qualificação no mercado.

Categorias
Dicas

Como economizar com uma instalação elétrica eficiente

Cada vez mais as pessoas estão buscando soluções de economizar energia de maneira eficiente. Porém, o que muita gente não toma conhecimento é que boa parte do consumo de energia elétrica em suas residências acontece na forma de desperdício, causado pela dissipação de calor nos fios e cabos de uma instalação elétrica,