Categorias
Dicas

Como substituir resistência de torneira elétrica

Se você estava pensando em ter um pouco mais de comodidade para lavar suas louças e pensou em instalar sua torneira elétrica, tenho que certeza que nesse momento surgiu a seguinte dúvida, como eu vou conseguir substituir a resistência da torneira elétrica? Essa dúvida, você não precisa mais ter pois hoje com este artigo suas duvidas irão acabar.

Aprenda como fazer a instalação de Ar Condicionado Split
Aprenda como instalar um ventilador de teto
Aprenda como fazer a montagem de um Quadro de Distribuição

A torneira elétrica faz com que lavar a louça seja um momento muito mais fácil e agradável, pois no inverno a água congelando batendo em seus dedos não é uma sensação das mais agradáveis. Para maior comodidade e eficiência na limpeza, oferece água em três temperaturas: fria, morna e quente, que eliminam gorduras economizando tempo, água e detergente. Apesar de parecer impossível, com a instalação da torneira elétrica você conseguirá economizar bastante seu tempo e dinheiro, pois o investimento em desengordurantes e detergentes serão mínimos.

 

Quais os cuidados com a instalação da resistência:

  • Verifique se o disjuntor e todos os fios que compõem essa instalação estão atendendo a todas as especificações do aparelho. Estes itens são indispensáveis para a segurança e o desempenho do aparelho.

 

  • Não deixe o disjuntor desligado sempre que for realizar qualquer instalação ou manutenção dos aparelhos. Antes de ligar o aparelho à sua rede elétrica, deixe correr água fria pelo aparelho por 1 minuto para evitar que a resistência queima por ainda não estar adaptada à temperatura e ainda para verificar se existem vazamentos.

 

  • Para a conexão dos fios, é recomendado que utilize os conectores elétricos adequados. Jamais utilize os plugues e as tomadas para a instalação. O fio terra (fio de cor verde) é fundamental para a segurança do usuário, pois ele garante que não ocorra choques elétricos por descargas. Todos os “aparelhos” possuem esse fio terra que deve ser conectado ao fio terra correspondente da sua instalação. Se a sua instalação elétrica não possuir o fio terra, procure um eletricista. Principalmente se você morar em regiões onde houver muita ocorrência de tempestades com raios, onde os aparelhos elétricos podem sofrer impactos.

 

Troca da resistência

Os modelos mais recentes possuem resistência de aquecimento anti-choque blindadas, para garantir segurança e maior durabilidade da resistência, que é a primeira a queimar quando o uso é intenso, além de serem projetadas para não terem vazamentos devido a perfeita vedação, proporcionando acionamento suave e eficaz, tanto na abertura como no fechamento.

 

Existem produtos no mercado com desempenho aprovado pelo Programa Brasileiro de Etiquetagem – PBE do INMETRO. Possui sistema de aterramento o que garante segurança total ao usuário.

 

A instalação ou troca de resistências, se você não possuir experiência em fazer este tipo de trabalho, deve-se sempre ser solicitado à ajuda de um profissional habilitado, pois a troca exige muito cuidado, mesmo porque o equipamento utiliza energia elétrica. Não coloque sua saúde em risco, realizar qualquer alteração em itens que estejam conectados na rede elétrica você pode estar expostos à diversos riscos, até mesmo a morte, causado por uma descarga elétrica. Portanto, se estiver seguro, busque auxílio profissional.

 

Categorias
Dicas

Resistencia Equivalente – definição, como calcular, resistores, passo a passo

Primeiramente, podemos definir verdadeiramente o que é a resistencia equivalente (Req)? De modo simples, o resistor equivalente nada mais é do que um resistir que tem a capacidade de substituir em um determinado momento todo o circuito propriamente dito, já que esse resistor equivalente conta com o mesmo valor da resistência completa deste circuito. Exatamente por isso, é chamada de resistencia equivalente (Req).

Dica Resistência elétrica – finalidade, dicas, como calcular

Forma de calcular a resistência em um circuito

Em seguida, podem ser feito as nuances para descobrirmos a forma de calcular a Req em um circuito em série: o resistor equivalente é calculado pela fórmula RT = R1 + R2 + … Entretanto, essa fórmula só se torna eficaz para associação de resistência em série, ou seja, basicamente, o resultado da resistência equivalente é a soma dos valores da resistência. Em um circuito, no qual possuímos duas resistências, sendo R1 com um valor próximo de 100 Ohms e R2 em um valor relacionado a 20 Ohms, sendo assim, o valor da resistência total não poderia ser outro, senão 120 Ohms, usando a fórmula iremos contar com Rt = 100 + 20.

Desta forma, caso exista mais de dois resistores em série, seria apenas necessário acrescentar os outros na fórmula por meio de uma pequena e simples soma, chegando a obter o valor da resistência equivalente: Req = R1 + R2 + … + Rn.

Dica 2 Aprenda como fazer a instalação correta de um Ar-condicionado Split

Resistencia Equivalente - definição, como calcular, resistores, passo a passo
Resistencia Equivalente – definição, como calcular, resistores, passo a passo

Conceitos básicos

Desta forma, fica mais evidente que o que se beneficia da associação não são exatamente as resistências, e sim, são os resistores. Já que as resistências podem ser definidas de forma pratica como uma propriedade e não propriamente uma entidade em si. Sendo assim, as resistências não são de forma alguma associadas. Neste caso, os resistores assumem o papel.

Dentro deste entendimento, podemos compreender que a resistência equivalente, então, se torna aquela em que é produzida, ou em que produz o mesmo segmento, seja pela associação de todos os resistores (e não resistores) que fazem parte da composição de um circuito.

Resistores em série

Já nos resistores em série, a resistência equivalente se torna igual a soma das resistências correspondentes de cada resistor, de acordo com este exemplo:  Ex.: Req = R1 + R2 + … + Rn

Resistores em paralelo

Já no que diz respeito aos resistores em paralelo, o inverso da resistência equivalente assume uma posição igual praticamente igual à soma dos inversos das resistências de cada um dos respectivos resistores.

Recomendo Passo a Passo: Saiba como instalar um Ventilador de Teto

Aqui pode-se dizer que você tudo que você precisava entender sobre equivalente foi dito de uma forma simples e prática em nosso artigo, caso queria conhecer um pouco mais de outros assuntos ligados à esse, nosso site oferece conteúdos de qualidade com linguagem simples para facilitar seu entendimento.

Categorias
Dicas

Como trocar a resistência do seu chuveiro – dicas, passo a passo

Você chega em casa exausto depois de mais um dia tenso no trabalho ou na faculdade e tudo o mais deseja é tomar um bom banho e esquecer os seus problemas. Nestas situações, parece que as nossas tensões são despachadas ralo a abaixo. Mas, às vezes, temos que lidar com fatos ainda mais inesperados em nossas próprias casas. Como por exemplo: você comprou um chuveiro e pouco tempo depois já deu problema?

Dica Comando de motobomba por chave de nível bóia

Dica 2 Como limpar o chuveiro – Passo a passo, dicas, fotos

Primeiramente, respira. Nem sempre, você precisa se desfazer do aparelho. Às vezes, o problema pode estar na parte elétrica, ou seja, na resistência do chuveiro que é, na verdade, a responsável por seus banhos gelados. Aprenda a identificar e arrumar esse problema, economizando um dinheiro e deixando de se irritar por pouca coisa.

Inicialmente, você precisa ter ao alcance das suas mãos algumas ferramentas como: alicate, escova de dentes para fazer uma limpeza, fita veda-rosca e conector de fios.

Como trocar a resistência do seu chuveiro - dicas, passo a passo
Como trocar a resistência do seu chuveiro – dicas, passo a passo

 

 

 

 

 

 

 

 

Veja Aprenda como fazer a instalação correta de um Ar-condicionado Split

  • Primeiro Passo para trocar a resistência do seu chuveiro

Antes de inventar qualquer coisa, por segurança, desligue a chave geral ou disjuntor de eletricidade da sua residência para evitar que tome um choque desnecessário.

  • Segundo Passo para trocar a resistência do seu chuveiro

Pegue o chuveiro, tire de seu suporte e o abra. Se o seu chuveiro for de plástico, a tarefa é ainda mais simples. Você precisará apenas retirar a parte de baixo, ou seja, o espalhador.

  • Terceiro Passo para trocar a resistência do seu chuveiro

Neste momento, você precisa ter muita atenção em que como está a resistência do seu chuveiro. Se estiver mesmo queimada, será possível distinguir um rompimento no equipamento. Além disso, você também vai conseguir reparar em marcar de queimadas em torno do espiral.

  • Quarto Passo para trocar a resistência do seu chuveiro

Pegue a escova de dentes, dê uma boa limpada na parte de dentro e de fora do espalhador.

  • Quinto Passo para trocar a resistência do seu chuveiro

Pegue o chuveiro e encaixe cada pedaço novamente. Seja cauteloso com a vedação do chuveiro e o fio terra. E fique atento que o verdadeiro intuito do fio terra é de desviar a corrente elétrica, que foge dos aparelhos elétricos com algum defeito.

  • Sexto Passo para trocar a resistência do seu chuveiro

Pegue a fita veda-rosca e a use no tubo do chuveiro, especificamente, em sua ponta. O mais indicado para assegurar a vedação correta é dar em torno de seis voltas.

  • Sétimo Passo para trocar a resistência do seu chuveiro

Antes de religar a chave geral ou o disjuntor de sua casa, é válido dar uma conferida e abrir o chuveiro para que a água fria possa cair livremente por algum tempo.

  • Oitavo Passo para trocar a resistência do seu chuveiro

Posteriormente, é só recolocar a ligação, os fios certos e dar uma testada com a nova resistência.

  • Nono Passo para trocar a resistência do seu chuveiro

Se a resistência apresentar novos problemas e seguir queimando, você pode cogitar outras falhas como pressão baixa, disjuntores inadequados, fiação velha e oxidada, tempo de banho muito demorado e voltagem do chuveiro incompatível com a voltagem de sua CSA.

trocar-resistencia2

 

 

 

 

 

 

 

Recomendo Passo a Passo: Saiba como instalar um Ventilador de Teto

Agora você já está preparado para trocar a resistência do seu chuveiro quando for necessário a qualquer hora do dia ou da noite. Não esqueça de seguir nenhuma das dicas para não haver problemas futuros com seu chuveiro ou voltar a ter problemas com a sua resistência.